Dr Lucas Barbosa

Logo - Dr Lucas Barbosa

Guia completo:

EcoDoppler Venoso

No Diagnóstico e Tratamento de Varizes

EcoDoppler Venoso

O EcoDoppler é feito através de um aparelho de Ultrassom, aquele mesmo que vê o bebê em pacientes gestantes. O alvo, no entanto, passa a ser a rede de vasos do corpo, especialmente as veias, quando se trata do EcoDoppler Venoso.

Usamos a função especial Doppler Colorido para ver o fluxo sanguíneo e duas características principais: se o sangue sobe ou desce e a velocidade com que este sangue passa no vaso. Além disso, o aparelho permite ver o calibre e origens de todos os vasos, informação fundamental quando pensamos nos procedimentos a serem realizados.

O EcoDoppler Venoso é reconhecido como MELHOR exame para estudo, sendo seguro e extremamente útil. Estudos mostram números que impressionam: até 80% da população pode apresentar algum sinal de vasinhos (doença em estágio inicial) e entre 20 e 60% (depende da região geográfica) apresentam varizes.

O que é o EcoDoppler Venoso?

Como dito, usamos um aparelho que emite ondas de ultrassom e as traduz em imagens para que possamos visualizar estruturas internas no corpo. A função Doppler Colorido revela o movimento, ou seja, o fluxo de sangue no interior dos vasos, exibida na tela nas cores azul ou vermelho.

 É fundamental para o médico vascular saber onde está a raiz do problema, ou seja, se aquela variz visível na pele tem uma fonte interna que seja tratável. O Doppler mostra com uma taxa sensibilidade acima de 92% essa informação. Dessa forma conseguimos distinguir quais veias estão saudáveis e quais estão doentes e serão alvos de tratamento.

Benefícios do Ecodoppler Venoso no Diagnóstico de Varizes:

Este exame é tão importante para o tratamento de varizes que hoje é considerado uma extensão do exame físico e deve ser realizado em TODOS os pacientes que têm varizes. Não há contra indicação nem riscos associados. É um exame NÃO INVASIVO, ou seja, não utilizamos agulhas nem cortes.

 Sem ele não é possível formatar um planejamento adequado do tratamento. Há vários anos eu tenho incluído este exame já na consulta de primeira vez, para que o paciente tenha seu planejamento pronto ao final da avaliação.

EcoDoppler Venoso

Como é realizado o EcoDoppler Venoso?

Este exame é sempre feito por um médico especialista: ou Cirurgião Vascular ou Radiologista. Não é necessário despir o paciente, entretanto preciso ter acesso às coxas e pernas, o que é facilitado pela utilização da bermuda que oferecemos na clínica. Não há preparo nenhum e o paciente não sente absolutamente nada durante o exame.

O paciente fica de pé ou sentado na maca com as pernas pendentes. O médico, então, passa um gel na pele e encosta o transdutor, aquela peça conectada a um fio no aparelho. Imediatamente o aparelho exibe as imagens e algumas manobras são realizadas visando detectar os problemas que procuramos.

Está com alguma dúvida?
Fale agora mesmo com uma de nossas atendentes

Resultados: O que são as imagens coloridas no exame?

É fundamental detectar se o fluxo está “subindo” ou “descendo” pelas veias, para isso usamos uma manobra simples, descrita a seguir. Lembre-se que o paciente precisa estar com a perna para baixo: ou de pé, ou sentado como num banco alto.

O azul: Fazemos uma compressão da panturrilha, empurrando o sangue para cima como numa garrafinha de academia – espera-se que neste momento o fluxo “suba” pelas veias, mostrando a imagem em azul no aparelho. Uma veia saudável permite essa subida do sangue e impede que o mesmo desça, através de suas válvulas. Ao relaxar a compressão da panturrilha (descompressão), o normal seria que as válvulas nas veias impedissem que o sangue desça, interrompendo a imagem em azul e voltando ao cinza habitual, quando não há fluxo.

A dinâmica do vaso normal é: aperta a panturrilha, o sangue sobe em azul. Ao soltar (descomprimir), o sangue não sobe nem desce, interrompendo a cor e mantendo o cinza na tela.

O vermelho: Veias doentes e varizes, por sua vez, permitem que o sangue desça. Este fluxo para baixo representa o principal problema que procuramos: o REFLUXO, que é exibido em vermelho na tela. Saiba que este sangue descendo já foi “usado”, está pobre em nutrientes e oxigênio, sendo assim ele atrapalha o nosso metabolismo, causando os típicos sintomas de cansaço e inchaço. O tratamento de varizes é pensado para eliminar estes vasos em vermelho.

A dinâmica do vaso doente é: comprime a panturrilha, o sangue sobe em azul. Logo a seguir descomprimimos a panturrilha e ele passa a descer em vermelho – aí está o problema, refluxo.

EcoDoppler Venoso

É possível ver uma trombose no exame?

Sim, este é o exame mais importante na detecção de trombose. Além do mapeamento de varizes, feito utilizando os sistema de duas cores explicado acima, conseguimos ver se há coágulos no interior dos vasos. No laudo do exame, caso detectado, constará em qual vaso foi encontrado.

Tratamento de Varizes com Base nos Resultados do Ecodoppler Venoso:

Os resultados mais comuns são safenas com refluxo, varizes essenciais, microvarizes e ausência ou presença de tromboflebites, flebite e trombose.

Safena com Refluxo:

Quando a motivação do exame é pela presença de varizes grossas, na grande maioria dos casos detectaremos como causa, uma safena com refluxo. Sinônimos para este termo são: incompetência ou insuficiência valvar da safena. É o tratamento que mais realizo aqui na clínica. Atualmente utilizo os métodos mais modernos como Laser Endovenoso (Endolaser), que faz o vaso ser eliminado sem a necessidade de cortes e cirurgia.

Varizes Essenciais e microvarizes:

Casos em que encontramos sim varizes, mas os troncos principais, as safenas, estão preservadas, podendo ser poupadas. O tratamento é feito com Escleroterapia Líquida ou com Espuma, associada ou não ao Laser Transdérmico.

Flebites, tromboflebites e tromboses:

a decisão do médico é usar medicações anticoagulantes ou não, a depender da extensão e de quais vasos foram acometidos. Em alguns casos podem ser indicados procedimentos.

Importância do Ecodoppler Venoso para a Saúde Vascular:

Como visto, um exame que pode ser feito durante a própria consulta, não demandando preparo, sem riscos associados e que fornece uma gama extensa de informações se torna uma ferramenta indispensável nos dias de hoje.

Podemos fazer o controle de tratamentos prévios, “decifrar” quais cirurgias já foram feitas no paciente, programar tratamentos futuros e flagrar problemas graves.

O tratamento moderno de varizes se baseia quase que totalmente nos achados do EcoDoppler associado às queixas do paciente. Quando antes encontramos o problema e somos ágeis nas soluções, menos invasivos podem ser os tratamentos e mais rápidos são os resultados.

EcoDoppler Venoso

Autor: Dr. Lucas Barbosa.

O Dr. Lucas Barbosa atende na cidade de Canoas, agendamentos são feitos via WhatsApp.